A pandemia da covid-19 traz como efeitos diretos casos e óbitos relacionados à doença, mas também o aumento das necessidades de famílias em se abastecer de alimentos, sobretudo, aquelas em situação de vulnerabilidade social. Por isso, o Lar de Maria, no mês em que completará 74 anos de funcionamento, reforça a campanha de arrecadação de gêneros alimentícios para cidadãos e cidadãs de baixa renda.
A campanha “Alimento é Vida!”, lançada em abril deste ano, visa angariar a maior quantidade possível de itens para a alimentação de quem precisa, em paritcular, crianças, jovens e pessoas idosas.
Para se ter uma ideia da gravidade da situação enfrentada por núcleos familiares no Brasil, uma pesquisa da Universidade Livre de Berlim, divulgada em abril de 2021, indica que na região norte do Brasil 7 a cada 10 casas brasileiras vivem em ” insegurança alimentar “, ou seja, incerteza quanto ao acesso à comida no futuro ou já apresenta redução na quantidade ou qualidade dos alimentos consumidos.
Contribuições
Como a prática da caridade é o amor em ação sintonizado com os ensinamentos do Cristo à luz da Doutrina Espírita, contribuições à campanha são bem-vindas. Assim, quem puder auxiliar as famílias que participam de projetos sociais do Lar de Maria
, pode doar uma cesta básica na média de R$ 50,00.
Para isso, pode ser feito um depósito no PIX Caixa Econômica CNPJ 04934428/0001-62; crédito em conta corrente: Banco do Brasil, Agência – 0765-X, Operação – 003 e Conta Corrente – 5.202-7. Os valores doados serão convertidos em cestas básicas para as famílias.
O Lar de Maria ressalta que deve ser colocado, no ato da transferência, a mensagem “CESTA BÁSICA”, identificando o depósito para esta campanha.

0